sábado, 11 de julho de 2009

LULA X SENADORES(?)

O presidente Lula declarou que os "senadores são 'inquadráveis' pois teem mandatos de 8 anos, enquanto ele, presidente tem apenas 4 anos". E o Superior Tribunal Federal? Afinal para que existe a Suprema Côrte?. Mais uma vez sua declaração foi infeliz e sem o menor cabimento. Muitos dos senadores não sabem qual a sua verdadeira função como parlamentar. Com certeza o país estaria melhor servido sem o senado. Menos uma quadrilha a atuar. Menos corrupção. Menos desvio de dinheiro público. Menos bandalheiras. Menos enriquecimento ilícito. Menos escândalos. E assim, o Brasil terá as verdadeira condições de cescimento em todos os setores, sendo respeitado por todas as nações, ao contrário do que oorre na atualidade. Brasileiros! aprendam a votar e a cobrar dos governantes. Coloquemos o 'bloco' nas ruas. Lembrem-se:"Todo poder emana do povo. E em seu nome será exercido".

5 comentários:

J.P.S. disse...

o Senado perdeu o sentido de ser,
e por perder o sentido de "ser", perde o sentido de atuação...

angela disse...

Acho que esta é uma discussão importante, quais instituições temos e para que as temos. Parece que nem o presidente sabe.
beijo

Úrsula Avner disse...

Olá, que bom que existem pessoas atuantes que não só lamentam mas também contestam publicamente as atrocidades que assolam nosso país. Eu abomino a injustiça e me entristeço ao ver o Brasil perecer nas mãos de políticos corruptos e ensimesmados. Obrigada pela visita e interesse em acompanhar meu blogger. Quando puder conheça também meu blogger de poesias "Sempre poesia " . Um abraço.

IdealisticGirl's disse...

Adorei o blog e o comentário . é bon achar blogs como o seu que alertam os cidadões a abrirem os olhos . e concordo plenamente em que o povo precisa aprender a votar e a cobrar , e naum receber dinheiro para comprar seus votos e nem pegar qualquer folhetinho e voltar sem nem saber quem é . o blog ta de parabens :DD'

Marcos Pontes disse...

Como Lula é analfabeto, imagino que ele quis dizer "enquadráveis", já que enquadrou direitinho os petistas. o que ele não esperava era a representação do Cristóvam contra Sarney por permitir que o chefe do Executivo se metesse nas decisões do Legislativo, ferindo frontalmente a Constituição que prega a independência dos Poderes.
Se a representação fosse acatada, lula também passaria a ser réu por participação ativa.
Daí restou aos senadores da base assalariada voltarem atrás e retirarem o apoio a Sarney.
Lula ficou à vontade para proclamar a independência dos senadores. tudo joguinho de cena.